Tempero para carne de porco – Dia de picanha suína. Sobre respeitar o ingrediente em todo ciclo do “alimentar-se”. 

Picanha suína antes da transformação mágica do fogo.

 

Picanha suína depois da transformação mágica do fogo.

 

Temperar a carne é continuar respeitando aquilo que foi extraído da natureza para nos alimentar. Como os animais são criados, como são mortos, como é valorizado e tratado cada centímetro do que os compõe, como é preservada a carne, como é temperada, cozida e apreciada – temos uma responsabilidade ao cozinhar um animal, a responsabilidade de não estragar sua composição genuína e acabar fazendo o animal ter morrido em vão. Tempere com cuidado, conhecimento e respeito, isso é muito importante e tem um valor.

Opção de tempero para carne de porco:

Essa é minha picanha suína temperada com: Alho, sal, pimenta-do-reino preta, pimenta rosa, pimenta calabresa, um pouco de páprica picante e um pouco da doce, azeite de oliva, limão, ervas secas (orégano, salsa, louro), um pouquinho de mostarda dijon e noz-moscada. As quantidades dependem do tanto que quer presente cada ingrediente – use seu gosto e história para temperar e erquilibrar. Ao usar 3 tipos de pimentas equilibre para não pesar. Depois de temperar deixe pelo menos 2 horas pegando gosto antes de assar (melhor uma noite). Eu assei com uma batata doce – que adocica muito bem a carne de porco.

Tempero para frango à base de tomilho e laranja.

??????????????

Para temperar é preciso respeito e sensibilidade. Respeitar o que o ingrediente suporta e recebe equilibradamente, harmonizar a erva com a carne, com a força do sal (que deve ser medida e controlada), criando uma experiência que liberte o melhor de cada ingrediente. Respeitar o ingrediente é compreender com amor e delicadeza as possibilidades que a natureza oferece, mergulhando de modo pleno nos sabores que o mundo tem, que o mundo é. Tomilho, laranja e frango são para mim uma trindade linda, que juntos dançam e mostram algo lindo de sentir. Aprenda abaixo um tempero para frango que faço, que amo, que sinto.

Ingredientes (para temperar cerca de 600g de filés de frango):

  • Tomilho (fresco ou seco) à gosto
  • 2 dentes de alho amassados
  • O suco de uma laranja grande
  • Sal à gosto
  • Pimenta-do-reino à gosto
  • Cerca de 1 colher de sopa de azeite de oliva extra-virgem

Modo de preparo:

Simples, sem segredos. Tire o frango da geladeira um tempo antes de temperar, para que esteja o mais próximo da temperatura ambiente. Com ele já higienizado e cortado em filés, coloque em uma tigela e acrescente todos os ingredientes, misture com as mãos, apertando levemente com os dedos mas sem muita força para não esmagar os filés. Após misturar bastante deixe descansar fora da geladeira por pelo menos 20 minutos antes de cozinhar (eu tempero as vezes 2 horas antes de preparar, ou até um dia antes). Eu os faço grelhados. Daí é só criar molhos e acompanhamentos que sua imaginação permitir, e ser feliz.