Vanillekipferl (Meia lua de baunilha) – biscoitos amanteigados de amêndoas e avelãs típicos da Áustria e Alemanha.

Vanillekipferl – um biscoito de natal muito popular na Alemanha e na Áustria. Seu nome quer dizer algo como “lua crescente de baunilha”. A experiência delicada e acolhedora que uma mistura de manteiga, farinha, amendôas e baunilha é capaz de criar fez deles meus favoritos nessa vida. Me traz algum alívio esperançoso comer eles. Não tô querendo dizer que biscoitos são capazes de me comover assim profundamente.
Na verdade eu acho que tô sim.

Agradeço essa receita à @leonay.melo , que também é desse tipo de pessoa que se comove com biscoitos.

Ingredientes:

  • 50g de farinha de amêndoa
  • 50g de farinha de avelã
  • 280g de farinha de trigo
  • 70g  de açúcar
  • 200g de manteiga sem sal (uso a da @queijosyema )
  • 2 gemas
  • 1 pitada de sal

Em uma noite de sua vida, separe um tempo e junte todos esses ingredientes numa tigela, até formar um bola firme. Envolva essa bola com plástico filme e deixe na geladeira, para que durma lá (pode ser 2 horas só de descanso, mas 1 noite fica melhor, sempre que conseguimos esperar o tempo das coisas ficarem prontas elas terão gostos e formas melhores).
No dia seguinte, tire a massa da geladeira uns 20 minutos antes de manusear. Pegue pequenos pedaços (estará dura, pode ser cortando com uma faca) e faça formas de meia lua – é um formato místico bonito para biscoitos, sempre achei. Asse em forno pré-aquecido à 180 graus, até quase dourar (eles não são de dourar muito). No que você pensa enquanto seus biscoitos estão assando e o cheiro começa a nascer?

Quando tirar do forno eles estarão ainda meio moles e sensíveis. Espere uns minutos e tire com cuidado da fôrma, com ajuda de um garfo. Ainda mornos, passe eles um por um em um mistura de: açúcar baunilhado com açúcar de confeiteiro (se você não tem açúcar baunilhado, você pode fazer o seu misturando açúcar com alguma forma de baunilha seca (em pó, favas secas trituradas, etc) e deixando num pote fechado 2 dias, para o açúcar ficar perfumado).

Sente num canto que você goste, coloque uma música que seja gentil pra você e faça um chá suave – tudo para viver direito a delicadeza dos biscoitos. Durante as mordidas prazerosas preste atenção, porque tem uma sensação bonita pra prestar atenção.

Receita de Areias de Cascais – Biscoito amanteigado português!

Direto de Portugal, esse biscoito mega fácil de fazer é daqueles que derretem na boca ao mesmo tempo que derrete junto o seu coração. Mas que gracinha. Vem ver que lindo, fácil e mara – isso com café é apoteótico, Camões grita. Se divirta fazendo – é daquelas biscoitos terapêuticos que a gente amassa e molda na mão passando toda energia para a massa!

Abaixo a receita escrita, mas se quiser ver um video completo dela com todo passo a passo detalhado, clique aqui e confira no IGTV do meu Instagram @rodrigo.vilasboas ! Aproveita e me segue por lá, sempre tem novidades!

Ingredientes:

  • 300g de farinha de trigo
  • 150g de açúcar refinado
  • 200g de manteiga gelada cortada em pedaços
  • 1 pitada de sal

Modo de preparo:

Coloque a farinha de trigo em uma tigela, acrescente o sal e o açúcar e misture. Em seguida coloque a manteiga e comesse a esmagar ela com as pontas do seus dedos na farinha, incorporando ela até tudo virar uma coisa só – uma farofa amanteigada que fica bem esfarelada com aspecto de areia. só amasse demais para não esquentar muito a massa.

Pegue pequenas quantidades da massa e com o calor de sua mão molde bolinhas. Leve para assar em forno pré-aquecido à 190 graus por entre 15 à 20 minutos – depende da potência de seu forno, o ponto é quando começa a dourar levemente por cima.

Tire do forno e passe eles, ainda quente, em um pouco de açúcar, como se fosse empanar – mas não passe muito para não ficar muito carregado de açúcar. Deixe esfriar e prontinho!