Como fazer crepe brûlée de doce de leite!

É tecnicamente bem complicado encontrar nessa vida algo tão aconchegante como um crepe bem feito – massa fininha e delicada que se enlaça carinhosamente com um recheio cremoso (suspiros de amor). O crepe é de origem britânica, porém é o lanche mais francês que existe – nas ruas de Paris tem crepe para todo lado. O gosto de um crepe me conecta automaticamente com o gosto das longas caminhadas nas ruas parisienses. Não é difícil fazer um crepe inesquecível, mas existem alguns detalhes importantes que fazem toda diferença – o crepe é uma sutileza do preparo ao consumo. Essa versão é inspirada em uma que a Paola Carosella (uma das pessoas mais interessantes desse mundo) serve no seu restaurante em São Paulo, o Arturito. Recheado com doce de leite, com uma casquinha de caramelo por cima (o brûlée apaixonante). Servido com algo que equilibre o doce fica sensacional – como um creme azedo, crème fraîche ou iogurte. Eu apenas sinto amor por esse prato. Fim.

Para acessar a receita da massa de crepe, clique aqui.

Obs: É possível fazer essa receita em uma versão zero lactose – basta substituir o leite da massa por leite zero lactose. Existe também doce de leite zero lactose (a marca Italac tem). E para fritar, use azeite de oliva ao invés de manteiga. E ah, claro, se for comer com acompanhamento escolha uma possibilidade zero lactose (creme de leite zero lactose com gotas de limão vira um creme azedo muito bom para acompanhar).

Como fazer crepe brûlée de doce de leite:

Logo pós terminar de fritar a massa, recheie ela com doce de leite (com um bom, se souber fazer em casa faça, se não compre um de quem faça com verdade e qualidade) e enrole (sem colocar muito para não vazar). Coloque em um prato com a parte lisa do crepe para cima. Faça uma fina camada de açúcar e “queime” com um maçarico, fazendo movimentos circulares até caramelizar e criar uma casquinha (sem queimar demais para não amargar). Se você não tem maçarico, pode fazer o brûlée da seguinte forma: Esquente uma colher de metal (uma que você não goste, pois ficará manchada) na chama do seu fogão a gás até ficar bem quente (o metal ficará num tom azul e meio escurecido). Após aquecer encoste a colher no açúcar e faça movimentos circulares, até caramelizar toda a superfície. Antes de aquecer a colher novamente lave-a muito bem para não ficar resíduos.

Prontinho. Você já pode comer assim, mas se quiser, pode servir com iogurte, creme azedo, crème fraîche ou sorvete. É bom algo que equilibre o doce. Seja feliz comendo. É bom.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s