Receita de molho meio azedo com dijon e mel – e sobre o valor da salada.

20150823_145542

Elementos simples combinados com coisas certas proporcionam experiências que mesmo simples, podem ser brilhantes. Menosprezar, por exemplo, uma bela salada de alface e tomate é ignorar as possibilidades de torná-la encantadora. Já comi muitas saladas que me conduziam a outro planeta de tanta explosão de sabor. Salada pode ter a sensação mais forte de uma refeição sim! Os molhos tem o poder de casar-se com os elementos frescos das saladas e criarem um feliz pra sempre no nosso paladar! Essa salada consiste em: Folhas de alface americana organizadas em uma quase esfera com rodelas de tomate italiano (carnudinho e suculento). E o molho: cerca de 4 colheres de sopa de creme de leite, 1 colher de chá de maionese, 1 colher de sopa de mel, 1 colher de café de mostarda dijon, sal e pimenta à gosto, gotas de limão siciliano e uma colher de chá de iogurte integral. Finalizei com castanhas de caju trituradas e ervas desidratadas. As quantidades de ingredientes do molho variam de acordo com seu gosto e o quanto quer presente cada ingrediente. Não menospreze saladas, seja feliz no frescor delas. Cada alimento tem algo de muito lindo a oferecer, aprenda a extrair.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s